---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Projeto do CRAS de Siderópolis promove roda de conversa sobre Educação Positiva

Publicado em 19/10/2016 às 10:54 - Atualizado em 19/10/2016 às 10:54

O grupo de jovens do projeto “De Jovem Para Jovem”, coordenado pela equipe técnica do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), de Siderópolis, realizou mais uma roda de diálogos sobre Educação Positiva. O tema se baseia na construção de estratégias de educação não violenta, como perspectiva de estabelecer mudanças nas relações entre crianças, adolescentes e adultos. A roda de conversa foi realizada no Centro Social Urbano, com o grupo de mães da Associação Feminina de Assistência e Bem Estar Social de Siderópolis (Afabess).

“A disciplina positiva supõe que a criança deseja se comportar bem, mas que precisa de ajuda para entender como fazer isso. Ela funciona com base no princípio de que as crianças aprendem mais por meio da cooperação e da recompensa do que por meio de conflitos e castigos. A recompensa não precisa ser material, pode ser um abraço, um beijo ou um elogio”, ressaltou a psicóloga do CRAS, Aniely Nazário,

O projeto “De Jovem Para Jovem” é desenvolvido pelo CRAS de Siderópolis em parceria com a rede “Não Bata Eduque”, da Fundação Xuxa Meneguel. De acordo com a coordenadora do CRAS, Gladys Kestering, que também é presidente do Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente, “o objetivo é promover e incentivar o direito à participação infantojuvenil nos espaços de controle social e de garantia de direitos, na instituição, na família, na comunidade e outros espaços de convivência”, destacou a coordenadora, acrescentando que “é necessário engajar os adolescentes nesse contexto sobre o enfrentamento das práticas dos castigos físicos e humilhantes, e estimular uma relação familiar respeitosa, que garanta o direito das crianças à integridade física, psicológica e a seu pleno desenvolvimento como ser humano e como cidadão”.